Materiais exclusivos!

Fisioterapia esportiva

Saiba tudo sobre a fisioterapia esportiva, e além disso como a prática esportiva é cada vez mais comum em meio a atividade física para uma melhor qualidade de vida.

Fisioterapia esportiva

fisioterapia-esportiva

Hoje viemos falar da fisioterapia esportiva, já que atualmente ela agregou muito valor no mercado de trabalho, e por isso a gama de cursos para pós graduação na área está tão comum, antes disso existem algumas coisas importantes sobre a fisioterapia esportiva que precisamos saber.

De inicio para que se entenda a fisioterapia esportiva -também conhecida como fisioterapia desportiva – é a especialidade que foca nas ações dos atletas profissionais e amadores, a fim de buscar tratamento, prevenção ou reabilitação de lesões ou traumas.

O intuito final da fisioterapia esportiva é a garantia do rendimento de todos os atletas, para que eles consigam praticar as modalidades esportivas da melhor forma possível e principalmente com saúde.

Existem casos em que a fisioterapia esportiva é utilizada para melhorar o desempenho de todos os atletas, auxiliar na recuperação de treinos e trazer mais bem-estar para os mesmos, e para usar dessa forma a fisioterapia esportiva é essencial que os fisioterapeutas esportivos conheçam profundamente o corpo do atleta e a modalidade praticada, para ter embasamento sobre anatômico e cientifico.

A melhora do desempenho dos atletas com a fisioterapia esportiva

Em meio ao esporte profissional por exemplo, em qualquer uma das modalidades esportivas, essa é uma das funções mais usadas para a preparação física dos atletas, claro que para utilizar a fisioterapia esportiva dessa forma é necessário o auxílio de um profissional, já que em práticas esportivas é alta a competitividade, sendo assim todos querem alcançar o máximo desempenho.

Após acompanhar o desempenho e a evolução de cada um dos atletas que praticam esportes, é possível avaliar quais dos exercícios são mais indicados para cada pessoa, para evitar lesões e gerar melhora do rendimento.

Sem contar que outra especialidade da fisioterapia esportiva é o tratamento de lesões, dessa forma recuperando o corpo.

Ao pensar no ambiente profissional e de nível alto, as exigências nessa área são altas, isso porque atuar com esse público exige tanto a dedicação do fisioterapeuta, como também engajamento por parte do atleta, e com isso observa-se uma troca mista de responsabilidades, tanto para o profissional, que precisa estar capacitado para realizar as intervenções adequadas, quanto para o atleta de se engajar no tratamento e assim apresentar bom rendimento esportivo.

Em meio aos últimos anos, a quantidade de atletas amadores cresceu bastante, assim a busca pelos profissionais que ajudam na conquista dos resultados melhores e tratamentos que tenham eficiência para recuperar lesões também cresceu, por isso hoje em dia existem várias oportunidades para trabalhar com a fisioterapia esportiva.

Trabalhando muito próximo da medicina esportiva, o profissional que fica nessa área precisa ter domínio, por exemplo, da fisiologia e da anatomia, bem como o entendimento sobre o gesto esportivo, e como o esporte pode impactar todo o corpo, para expandir seus meios na atuação, a fisioterapia esportiva é um caminho válido.

Tratamentos utilizados na prática

Uma das coisas que fez a fisioterapia esportiva aumentar em meio ao cenário de hoje, é a quantidade de meios para tratamentos que podem ser aplicados. Dessa forma é possível encontrar soluções eficientes, garantindo um tratamento melhor para recuperar a lesão e melhorar o rendimento.

Para que haja mais entendimento de como é a rotina de um profissional que atua em fisioterapia esportiva, existe uma série de condutas que são mais comuns e ótimas para prevenir luxações, torções, e outras lesões. Acompanhe abaixo.

A terapia manual

Um dos meios mais usados para tratamento na fisioterapia esportiva. A terapia manual tem por objetivo utilizar através de mobilizações, manipulações e movimentos passivos para restaurar a amplitude de movimento das articulações, restaurar a funcionalidade dos músculos, nervos e fáscias. Regularizando a função normal desses sistemas. Existem diferentes técnicas, e a escolha pela melhor delas irá depender do objetivo esperado.

A terapia funcional

Este é um método utilizado para que haja mais entendimento de consciência corporal no paciente, esse método consegue lidar mais em relação a mente e também o corpo, ao utilizar exercícios com impacto baixo e menos intensos, é possível corrigir problemas com a postura ou tratar lesões de origem traumática e não traumática.

A eletroterapia

Ao aplicar correntes elétricas em todo o corpo, é possível relaxar ou também fortalecer todos os músculos, reduzir edemas e efeito analgésico. Existem atualmente vários meios para aplicar esse método, todos eles de acordo com o objetivo e também da situação do paciente, para surtir efeito em meio a região que precisa de tratamento.

A massoterapia

Ajuda a melhorar o fluxo sanguíneo, promove o relaxamento dos músculos e também ajuda a aliviar as dores que acabam surgindo depois da atividade física, esses são os principais intuitos da massoterapia em meio a fisioterapia esportiva.

Esse método é conhecido como um tipo de massagem que promove relaxamento muscular nos pacientes, e com esse meio da fisioterapia esportiva é possível prevenir as lesões, recuperar a musculatura e também aliviar a dor muscular.

Outras técnicas

Sem contar nesses quatro métodos que são utilizados para o trabalho da fisioterapia esportiva, existem outras praticas e também técnicas que são bem eficientes para buscar a prevenção e também para que haja a recuperação de lesões indesejadas como:

  • A estabilização Segmentar;
  • As bandagens funcionais;
  • O pilates;
  • A cinesioterapia;
  • A eletromiografia;
  • A musculação;

Vale ressaltar que cada um dos métodos possui um objetivo e deve ser utilizado de uma forma especifica, com abordagens diferentes, afim de solucionar os problemas, e é exatamente por isso que é importante alguns fatores.

É preciso levar em conta a estrutura que um profissional tem disponível em seu ambiente do trabalho, e acima de tudo é preciso cuidar e se atentar ao perfil de cada um dos pacientes, afim de que os melhores métodos da fisioterapia esportiva sejam aplicados.

Também é preciso levar em conta que cada indivíduo é específico e com os atletas isso não é diferente, sendo necessária a avaliação e o auxilio de um profissional, para que as melhores práticas do método sejam aplicadas.

Lembrando também que é preciso avaliar os graus das lesões e entorses, para que o tratamento seja direcionado de acordo com o problema que o indivíduo apresenta e não prejudiquem ainda mais o estado físico do paciente.

Quer ficar de olho em todas novidades sobre Fisioterapia e Pilates?

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.