Materiais exclusivos!

História do Método Pilates

Você não conhece a história do método Pilates e do Joseph Pilates, o criador do método? Confira a história completa e a motivação de Joseph para inventar esse método mundialmente reconhecido!

História do Método Pilates

historia-do-metodo-pilates

Você conhece a história por trás do método pilates? Conhece o criador do método Joseph Pilates?

Caso não conheça, nessa post iremos contar toda a trajetória de Joseph Pilates, de sua infância até sua velhice, e o que o motivou a criar o método Pilates.

História de Joseph Pilates, o criador do método Pilates

Joseph Humbertus Pilates nasceu na Alemanha em uma cidade chamada Monchengladbach próximo à cidade de Dusseldorf no ano de 1880. Seu pai era ginasta e sua mãe uma neuropata, logo Joseph cresceu sobre influencias na área da saúde e do corpo desde criança. Era uma criança frágil, pois sofria de raquitismo e tinha alguns problemas respiratórios como bronquite, asma e febre reumática.

Em sua adolescência, criou vínculos com um vizinho que era médico fisiologista e trocava horas trabalhadas em seu jardim por estudos na área de anatomia e fisiologia nos livros do médico. Com esses estudos e muita dedicação em seus treinos ao ar livre, Joseph Pilates aos 14 anos posava como modelo anatômico devido sua alta definição muscular.

Sua grande determinação o levou a estudar várias formas de terapias e condicionamento físico como: yoga, meditação zen e acrobacias. Tornou-se um respeitado esportista, atuando em várias modalidades, dentre elas: natação/ mergulho, ginastica, artes circenses, esqui e boxe.

Joseph Pilates relacionou seu conhecimento de respiração com artes marciais ao seu método, onde expirar no momento de força provocava maior estabilidade da parte central do corpo, proporcionando dessa forma movimentos mais livres de extremidades (braços e pernas).

Trajetória de Joseph Pilates

Trabalhou em um circo com seu irmão aos 22 anos e em 1912 Joseph Pilates mudou-se para a Inglaterra para ser boxeador profissional e ensinar autodefesa a detetives da Scotland Yard.

Dois anos após se mudar para a Inglaterra, eclodiu a Primeira Guerra Mundial e Joseph Pilates foi preso pelas autoridades britânicas devido sua nacionalidade alemã. Ficou confinado em um campo de concentração e nesse período de confinamento aproveitou para praticar e aplicar seu método nos colegas de prisão.

Nesse meio tempo eclodiu a epidemia de 1918 e nenhum de seus companheiros de prisão morreu. Frente a isso, Joseph Pilates foi transferido para outro campo de concentração em Lancaster e lá era enfermeiro e vigia e praticava seu método com soldados feridos e mutilados pela guerra com a ajuda de molas acopladas às camas hospitalares.

Dessa forma, os soldados recuperavam força antes mesmo de poderem se levantar da cama e à medida que melhoravam, Joseph aumentava o grau de dificuldade dos exercícios para que ganhassem mais força e flexibilidade. Joseph Pilates também trabalhava a mente dos soldados através do controle da respiração.

Marcos importantes para o método Pilates após o fim da Primeira Guerra Mundial

Após o fim da Primeira Guerra Mundial (1918), Joseph Pilates voltou para a Alemanha e ensinou seu método a alguns dançarinos famosos como Rudolph Laban.

Em 1923, decidiu ir para os Estados Unidos da América para registrar seu método e aparelhos. Na viagem conheceu uma enfermeira chamada Clara, com quem se casou posteriormente.

Montou seu primeiro Studio de Pilates em Nova York junto com sua esposa Clara e o método foi sucesso imediato por todo EUA, principalmente entre os grandes dançarinos, pois esses viram que os exercícios de Pilates tornavam a recuperação de lesões mais rápida e preparavam melhor seus corpos para as apresentações.

Em 1934, Joseph Pilates escreveu um livro chamado “Your Health” que falava sobre o princípio da contrologia, que é a base para todos os fundamentos de seus exercícios.

Em 1967 quando Joseph Pilates estava com 86 anos e com ótimo condicionamento físico, ocorreu um incêndio em seu Studio de Pilates e ele tentou salvar alguns de seus arquivos. Porém inalou muita fumaça e não resistiu às queimaduras e às lesões provocadas pela inalação da fumaça vindo a óbito.

Como foram passados os conhecimentos e o legado de Joseph Pilates?

Joseph e Clara Pilates não tiveram filhos, logo passaram seus conhecimentos a seus discípulos, os quais teriam a missão de passar seu método à frente para que ele atingisse nível mundial.

Alguns dos discípulos de Joseph Pilates eram: Romana Kryzanowska; Ron Fletcher; Eve Gentry; Kathy Grant; Jay Grimes; Bruce King; Carola Trier; Lolita San Miguel.

Inicialmente o método era aplicado somente em dançarinos e atletas, mas acredita-se que o intuito de Joseph Pilates era chegar ao que temos hoje em dia, o método destinado a todos os tipos de públicos.

Quais são os exercícios originais propostos por Joseph Pilates?

Originalmente Joseph Pilates criou 34 exercícios base, sendo eles: Hundred, Roll Up, Roll Over with Legs Spread, One Leg Circle, Rolling Back, One Leg Stretch, Double Leg Stretch, Spine Stretch, Rocker with Open Legs, Cork-Screw, Saw, Swan-Dive, One Leg Kick, Double Kick, Neck Pull, Scissors, Bicycle, Shoulder Bridge, Spine Twist, Jack Knife, Side Kick, Teaser, Hip Twist, Swimming, Leg Pull – Front, Leg Pull, Side Kick Kneeling, Side Bend, Boomerang, Seal, Crab, Rocking, Control Balance e Push Up.

Note que todos os exercícios têm nomes em inglês e permanece assim até o dia de hoje, ou seja, não realizaram traduções para os nomes, mantendo sua originalidade.

A maneira como cada exercício é feito, está descrita no livro de Joseph Pilates chamado “Return to life through contrology” (o retorno a vida pela contrologia).

Principais frases de Joseph Pilates

O criador do método Pilates, Joseph, deixou de ensinamento durante sua trajetória, algumas frases inspiradoras para nos fazer pensar em como estamos vivendo nossas vidas. Analise algumas das mais famosas:

  • “A contrologia desenvolve um corpo uniforme, corrigi posturas erradas, restaura a vitalidade física, vigora a mente e eleva o espírito”.
  • “Se um indivíduo tem 20 anos e está encurtado e fraco, é um velho. Porém se tem 60 anos e tem flexibilidade e força é um jovem”.
  • “Não interessa o que você faz e, sim, como você faz”.
  • “Você é tão jovem como a flexibilidade da sua coluna”.
  • “Com 10 sessões você perceberá a diferença, com 20 sessões os outros irão perceber a diferença, com 30 sessões você vai ter um novo corpo”.
  • “Antes de tudo, aprenda a respirar corretamente”.

Quer ficar de olho em todas curiosidades sobre Pilates Clássico?

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.