Materiais exclusivos!

Pilates para fortalecimento muscular

O fortalecimento muscular é um tema importantíssimo, pois, cada vez mais, o nosso estilo de vida afaga e diminui o potencial dos músculos. Quer saber mais sobre o tema? Role para baixo!

Pilates para fortalecimento muscular

pilates-para-fortalecimento-muscular

O Método Pilates é uma atividade de grande benefício para o ganho do fortalecimento muscular. Para quem deseja esse ganho e não tem interesse ou afinidade por academias e esportes mais generalizados, o Pilates é exatamente o que você procura. O Pilates fortalece todos os músculos do corpo, de maneira geral, delineando-o, deixando-o com uma estética corporal mais bonita.

Além do Pilates aumentar a flexibilidade, equilíbrio e concentração. A técnica do Pilates além de fortalecer os músculos, irá aumentar a resistência física e ainda corrigir a postura. É uma modalidade que vai promover a manutenção da saúde física e mental em geral, a curto e médio prazo.

As atividades que envolvem musculação convencional, usam séries repetitivas, com movimentos idênticos e assim desgastam os músculos e ainda geram demasiadas dores. O Método Pilates diferencia-se por trazer sessões únicas, exclusivas, fortalecendo os músculos em cada movimento, com series diferentes e pouco desgaste, trabalhando todas as regiões do corpo com eficiência. Com seus movimentos diferenciados os músculos mais profundos e superficiais são fortalecidos, assim tonificando todo o seu corpo de forma balanceada e equilibrada.

Além do mais, o Pilates por evitar tanto desgaste, e ser diferenciado dificulta o aparecimento de algumas lesões ocasionadas principalmente por excesso de impacto e estresse (fraturas, tendinites), pois você sempre terá um instrutor orientando os movimentos da forma correta e precisa e sem altas repetições. Desse modo, o seu corpo adquiri uma tonificação muscular muito mais eficiente com o Pilates, devido suas sessões direcionadas. O Pilates é tão querido pelo mundo e pelos famosos por seu diferencial e up que ele garante na estética corporal.

Pilates ou musculação?

A maioria das pessoas quando têm a intenção de fortalecer os músculos, tonifica-los e ganhar massa muscular geralmente imaginam em entrar em uma academia, focar na musculação 3 a 5 vezes na semana. Todavia, o Pilates vem se tornando cada vez mais popular pois além de visar todas essas vantagens, fortalecimento muscular, melhora do condicionamento físico, estética corporal, ou seja, efeitos similares ao da musculação, e ainda oferece diversos outros benefícios com seu grande diferencial. Então ai que entra a questão porque o Pilates ao invés da musculação.

A grande questão o autoconhecimento, para distinguir entre os dois métodos e seus benefícios, seus objetivos, o que trará maiores vantagens dentro se suas intenções, o seu perfil de procura. Todavia, esclarecer algumas coisas que não são popularmente conhecidas, faz toda a diferença na segurança da sua decisão.

Primeiramente é bom entender qual técnica melhor se adapta as suas preferências, qual seria mais prazeroso, algo mais relaxante para você. Pois para alcançar seus objetivos de saúde, boa forma, tonificação muscular é necessário dedicação e tudo fica mais fácil de frequentar quando você sincroniza o gosto com o seu objetivo.

O grande diferencial do Pilates sobre a musculação, para quem não se encaixa no ambiente de academias é encontrar um lugar totalmente diferente no estúdio de Pilates. Suas aulas são sempre diferentes, buscando a diversidade de técnicas e exercícios, sempre concentrando, equilibrando e fortalecendo todo o corpo e sua estética. Nos estúdios são formadas turmas menores, pois a concentração é essencial e a análise do instrutor na exatidão do exercício pelo aluno, proporcionando um treinamento mais individualizado e personalizado especificamente para cada praticante. Além da calma em seu ambiente, músicas relaxantes ajudando na concentração total.

Pilates e o fortalecimento muscular

Como já dito, para grande maioria das pessoas, quando se fala sobre ganho de massa e fortalecimento muscular imagina-se a musculação. Todavia, outras técnicas também geram esse benefício com precisão.

Um atleta quando inclui, por exemplo, um treinamento de força como auxiliador de seus treinos vai observar o ganho de diversas vantagens corporais, importantes para seu rendimento. Como, o aumento do ritmo de corrida, maior economia de energia, menor fadiga, maior tolerância ao esforço físico, melhora na eficiência das suas técnicas, prevenção de desequilíbrios musculares e ajuda na absorção ou redução de impactos.

Com tudo isso, o que muitas pessoas ainda não descobriram é que o Pilates também vai trazer o ganho de todas essas vantagens, o fortalecimento muscular e quando incluído no treinamento de atletas, pode tanto quanto a musculação potencializar o desempenho deles e ainda previne mais contra os riscos de lesões e problemas musculares.

Um dos pilares das técnicas do Pilates é o trabalho na correção e manutenção da postura, o fortalecimento do core (musculatura de sustentação da coluna). Pois, quando devidamente fortalecido garante ao atleta um melhor controle sobre sua mecânica corporal, como em uma corrida, a correção da postura em geral vai resultar na melhor execução de todos os movimentos, com precisão e sem dores, assim economizando energia nos exercícios, proporcionando uma boa e rápida recuperação pós treinos e evitando os riscos de lesões. Sendo assim o Método Pilates é técnica que garante resultados de forma segura e saudável e sempre sendo devidamente orientada e analisada por um profissional especializado.

Fortalecimento muscular sem lesões com o Pilates

A prática do Método Pilates e suas técnicas causam maior vitalidade e disposição para as atividades da rotina, diminui os estresses desmedidos, reduz as gorduras corporais, fortalece os ossos e a musculatura, corrige a postura, assim aliviando dores nas costas e diminui os riscos de lesões corporais.

Os exercícios são sempre realizados com análise e orientação de um instrutor profissionalizado, garantindo a exatidão, diferencial do Pilates e também são feitas com o uso de aparelhos, sempre buscando o objetivo do aluno.

Alguns exercícios do Pilates são auxiliadores na perda de peso, como alguns das suas técnicas aeróbicas, além de prevenirem patologias que são causadas pelo grande impacto nas articulações e assim geram deformações. O Pilates tem grande foco em prevenir essas lesões e também como tratamento das mesmas.

Pois, seus exercícios sempre tem impactos mínimos nas articulações, sempre evita desgastes, diferenciando seus movimentos, além de que muitos são realizados na posição deitado, assim prevenindo e tratando algumas patologias. As resistências dos movimentos no Pilates normalmente são feitas pelo uso de molas, essas são instáveis e assim garantem um fortalecimento do músculo em todas suas direções.

Os músculos assim fortalecidos e tonificados com essas técnicas, irão proteger o sistema osteomuscular, essencialmente as articulações, as que em outras técnicas e no dia a dia são as mais afetadas. Assim, o Pilates causa a manutenção da saúde física e mental. Além disso, o Pilates pode ser um auxiliador no pré e pós-operatório.

A história do Método Pilates

Joseph Pilates, criador do método Pilates, teve experiências terríveis na infância, tendo doenças como asma, raquitismo e febre reumática. Por isso, ele sempre foi uma criança que se exercitava, afim de melhoras as condições do próprio corpo e não se sentir preso a ele.

Em seguida, Joseph Pilates começou a estudar de forma profunda as ciências biológicas do corpo humano, como a anatomia, a fisiologia, a Medicina Tradicional Chinesa (MTC), física e biologia. Ele procurava ciências que mostravam tudo sobre o funcionamento do corpo humano de forma conjunta.  Em 1912, o jovem Pilates se mudou para a Inglaterra, virou lutador de boxe em Londres e ensinou defesa pessoal para a polícia metropolitana de lá.  Preso por ser alemão na Primeira Guerra Mundial, o jovem Pilates ensinou aos prisioneiros, inclusive os doentes, técnicas do próprio método para se exercitarem enquanto estavam isolados do resto do mundo. Após ser libertado, lançou as técnicas que eram chamadas de Contrologia, referentes ao controle da mente sobre o corpo, nome que depois foi adaptado para Pilates. Em 1967, aos 83 anos, Joseph Pilates morreu por complicações em um incêndio dentro de seu estúdio, mas sua esposa continuou disseminando o método ao resto do mundo.

Quer ficar de olho em todas novidades sobre Pilates para dor?

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.